15/09/2011

Afinal, o que é CRFS?

3

O fibrocimento é um microconcreto composto de cimento agregado de uma fibra de reforço. Esta fibra pode ser natural, como o amianto crisotila que é utilizado pela Eternit na linha convencional, ou sintética, como a tecnologia CRFS (Cimento Reforçado com Fio Sintético).

Podemos chamar de Fio Sintético o resultado de um processo industrial em que polímeros são transformados em fio. Este processo faz parte da produção do CRFS, uma tecnologia desenvolvida para suprir demandas onde, por eventuais restrições, sejam necessárias alternativas ao uso do amianto crisotila.

 A Eternit, preocupada em não comprometer a qualidade do produto, procurou uma alternativa de material sintético para ser utilizado no lugar do amianto crisotila sem implicar no desempenho do material e, após diversos testes, o fio a base de PVA foi o escolhido, pois embora existam alternativas de custos diferentes e qualidade inferior, como o polipropileno, o CRFS a base de PVA é o produto que mais se aproxima da qualidade das telhas de amianto.

 Na Eternit, a Eterflex é a linha de telhas de fibrocimento que são produzidas tanto com a tecnologia CRFS quanto com o amianto crisotila.

 Na hora de comprar vale checar algumas características importantes do produto de CRFS que não podem estar presentes em Telha ou Placa Cimentícia:

- Desfolhamento: quando a espessura da telha ou placa está com o aspecto de um “livro desfolhado”;

- Flexibilidade: Flexibilidade é bom e pode até evitar excesso de quebras em alguns casos, porém a flexibilidade excessiva pode comprometer a estabilidade da cobertura e, em alguns casos, ocasionar deformações que acumulam água;

- Permeabilidade: O produto de cimento pode absorver água e, em dias chuvosos, acaba obtendo uma coloração levemente mais escura, mas não é normal e não se deve permitir o surgimento de gotas na face oposta a exposta a umidade.

 Produtos Eternit, produzidos em CRFS à base de PVA, certamente não apresentam as características acima que podem comprometer a cobertura ou fechamento de sua obra.

 Para maiores informações consulte nossos profissionais técnicos que indicarão o melhor produto para atender as suas necessidades.

 


Click e compartilhe


13/09/2011

Onde eu posso comprar Eternit?

Uma das dúvidas mais freqüentes que recebemos aqui no blog é: Onde posso comprar produtos Eternit?

Agradecemos muito a confiança de vocês na qualidade de nossos produtos. Assim, para esclarecer este questionamento, disponibilizamos os contatos de nossas Regionais de Venda e qual a abrangência por Estados de cada uma.

Por ser uma indústria, a Eternit comercializa seus produtos por meio de revendas.  As nossas Regionais de vendas estão preparadas para indicar uma revenda mais próxima que dispõe do produto que você procura. 

Vale ressaltar que as Fábricas e Filiais de Venda Eternit estão localizadas estrategicamente para atender as necessidades dos mais de 14 mil pontos de venda. Esta distribuição permite que as revendas de qualquer parte do Brasil sejam atendidas em até 72 horas após o recebimento do pedido de uma carga fechada, o que garante nossa liderança no mercado brasileiro de fibrocimento e a nossa pulverização em louças e assentos sanitários.

Para conhecer um pouco mais sobre os produtos da Eternit, clique aqui.

Filiais de venda

Continue participando do nosso blog. São atitudes como estas que nos permitem monitorar e aperfeiçoar a qualidade de nosso atendimento.

Toda a oportunidade de conhecer os nossos consumidores e leitores é extremamente importante.

 Contamos com vocês!

  


Click e compartilhe


27/05/2011

O que são placas cimentícias?

Por Redação do Fórum da Construção

As placas cimentícias são componentes produzidos industrialmente, com alto padrão de qualidade e prontas para o uso na obra. Produzidas com a tecnologia CRFS – Cimento Reforçado com Fio Sintético, são ideais para projetos que exijam versatilidade, rapidez na montagem e um excelente acabamento.
A Eternit, líder nacional do segmento, produz a Eterplac – Placa cimentícia, que em função de suas características, apresenta uma excelente performance técnica no que se refere à trabalhabilidade, durabilidade, estabilidade e resistência à umidade. Isto se traduz num produto que proporciona:

• Ampla versatilidade de uso: paredes internas e externas, áreas secas e úmidas, fachadas, beirais e oitões, shafts, módulos construtivos, construção steel framing, entre outras;

• Ótima relação custo-benefício: redução dos custos com mão de obra e com o desperdício de material, bem como dos prazos de entrega.


Nessa obra, realizada em Curitiba – PR, foi utilizado Eterplac

Aplicações

Graças à tecnologia e facilidade de aplicação, a eterplac satisfaz as exigências técnicas da construção moderna, oferecendo total versatilidade e permitindo as mais variadas aplicações, tais como:

• Paredes internas (áreas secas e úmidas);
• Paredes externas sujeitas a intempéries;
• Paredes steel frame;
• Paredes curvas;
• Paredes diafragma;
• Beirais e oitões;
• Brises;
• Fachadas; • Revestimentos;
• Divisórias sanitárias;
• Forros;
• Módulos construtivos;
• Sinalizações/fundo para luminosos;
• Shafts;
• Enclausuramento de estruturas (metálicas/concreto); • Prateleiras;

Vantagens:


Nessa obra, realizada em Curitiba – PR, foi utilizado Eterplac Wood

• Como parede/fechamento, substitui o chapisco, emboço e reboco das paredes convencionais;
• Quando utilizada como cortina (“parede diafragma”) proporciona ao local uma melhor aeração das paredes úmidas, ocultando paredes deterioradas;
• Ótimo comportamento à umidade: fator preponderante para uso em áreas molhadas ou externas;
• Possui grande durabilidade e resistência a impactos; • As paredes/fechamentos permitem que seu interior possa receber diversos isolamentos termo-acústico, tais como: lã de rocha, lã de vidro, EPS, PU, proporcionando conforto termoacústico ao ambiente;
• Possui uma superfície que aceita diversos tipos de revestimentos, tais como: laminado melamínico, cerâmica, verniz acrílico e pintura e massa texturizada com base acrílica;
• A praticidade e rapidez da montagem dos sistemas proporcionam redução da mão-de-obra e do desperdício de materiais, agilizando os prazos de entrega da obra.

Dúvidas comuns sobre a ETERPLAC

1 – Por que as telhas são fabricadas com o amianto crisotila e a Eterplac não?

As telhas tem função estrutural e uma das principais características é de vencer grandes vãos, necessitando maior rigidez e resistência. Já a placas cimetícias Eterplac tem função de elemento de fechamento ou vedação. Sendo assim, estará sempre estruturada com distâncias menores do que as das telhas. Além disso, os fios sintéticos à base de PVA proporcionam às placas certa flexibilidade, o que resulta na melhor acomodação do produto sobre todo tipo de estrutura e também em fechamentos curvos.

2 – Por que nas aplicações da Eterplac em paredes externas, as placas devem ser impermeabilizadas?

A placa tem como característica uma média de absorção de água de 24%. Isso significa que, ainda que a Eterplac garanta que esta umidade passe para a outra face, como em qualquer produto em estado saturado, podem haver retrações e dilatações que venham a comprometer o sistema e/ou os acabamentos. O impermeabilizante tem a função de penetrar por capilaridade em toda a espessura da Eterplac, reduzindo consideravelmente esta absorção, proporcionando melhor desempenho do sistema.

3 – Quais os cuidados necessários para assentamentos de cerâmicas, pastilhas, mosaicos ou similares sobre a Eterplac?

Para assentamento destes materiais é importante que se utilize sempre argamassas flexíveis , do tipo AC3. Para melhor desempenho do sistema, as placas deverão ser impermeabilizadas com o Selante Impermeabilizante.

4 – Em aplicações da Eterplac com juntas aparentes, que produtos posso aplicar para vedação e estanqueidade?

Para vedação, podem-se aplicar os produtos convencionais de obra como mastiques de poliuretano ou massas plásticas diversas. É importante que o produto escolhido aceite pintura de acabamento. Sempre certifique-se disso.

5 – A Eterplac pode ser aplicada diretamente sobre uma alvenaria em substituição do reboco?

Uma importante característica do produto é sua flexibilidade, fator importante para sua perfeita acomodação sobre as estruturas. No entanto, a alvenaria pode apresentar muita irregularidade. As placas jamais poderão ter função de corrigir o problema. Em casos como este, o recomendado é que seja feita uma estrutura de regularização entre a alvenaria e as placas, caracterizando assim as orientações de nossos catálogos. Um dos grandes inconvenientes para a aplicação direta, é que deverá ser feito um furo na parede para ser colocado um parafuso com bucha, exigindo grande precisão para que estes furos coincidam com os furos a serem feitos nas placas que tem diâmetro diferentes e portanto feitos em etapas distintas de aplicação.

6 – Preciso de algum tipo de tinta especial para pintura da Eterplac?

O principal substrato da placa cimentícia é o cimento, o que da a flexibilidade de uso de diversos tipos de acabamento. Para pintura, o ideal é que o produto escolhido seja sempre acrílico à base de água.

7 – A Eterplac pode ser aplicada sobre estrutura de Madeira?

Este produto tem como uma das suas principais características, a facilidade de acomodação em qualquer tipo de estrutura. É importante que se dê atenção especial para a qualidade, estabilidade e precisão da mesma, bem como os elementos de fixação que podem ser específicos para cada tipo de estrutura ou do resultado estético que se deseja.


Click e compartilhe


05/02/2010

Conheça as placas cimentícias da Eternit

A Eterplac, placa produzida pela Eternit com a tecnologia CRFS (Cimento Reforçado com Fio Sintético) é ideal para projetos que exijam versatilidade, rapidez na montagem e um excelente acabamento.

Devido a sua tecnologia e facilidade de aplicação, a Eterplac satisfaz as exigências técnicas da construção moderna, oferecendo total versatilidade e permitindo as mais variadas aplicações. Pode ser usada como parede interna ou externa, fachadas, forros, prateleiras entre outras tantas aplicações.

 

Eterplac

As placas têm, normalmente, largura de 1,20 metros e comprimentos de 2,00; 2,40; e 3,00 metros, São Impermeáveis e incombustíveis e as resistências já conhecidas do fibrocimento. A composição com fibras sintéticas proporciona certa flexibilidade para a execução de paredes curvas.

Sua montagem é feita através do Light Steel Framing, um sistema construtivo de concepção racional, que tem como principal característica uma estrutura constituída por perfis formados a frio de aço galvanizado que são utilizados para composição de painéis estruturais e não-estruturais, vigas secundárias, vigas de piso, tesouras de telhado e demais componentes.

Gabriel Pontes, arquiteto de desenvolvimento de novos produtos, dá a dica de como aplicar o Eterplac. “As Placas Cimentícias podem ser utilizadas tanto externa como internamente. Uma aplicação bastante comum é muito semelhante ao que se conhece para a aplicação de Gesso Acartonado (sistema DryWall). A diferença é que o tipo de estrutura que deve ser utilizado para as Placas Cimentícias deve ser estrutura Steel Framing, ou no caso de situações específicas, devem ser dimensionadas para receber e garantir a estabilidade do produto”, explica.

Vale lembrar que o Light Steel Framing não é uma estrutura pré-fabricada. Sua montagem deve ser feita no local respeitando a estrutura da fundação da obra.

Além disso, Pontes lembra que é indispensável seguir rigorosamente as instruções de aplicação do fabricante, tanto no que se refere ao distanciamento entre estruturas quanto entre os pontos de fixação.

A praticidade e rapidez para a montagem estão entre as principais vantagens das placas cimentícias, que ainda proporcionam redução da mão-de-obra e do desperdício de materiais, agilizando os prazos de entrega da obra.

Honda Niponsul - Curitiba/ Foto Marcos Pereira

Honda Niponsul - Curitiba/ Foto Marcos Pereira


Click e compartilhe