27/09/2010

Mulheres conquistam novo espaço no mercado de trabalho

Depois de conquistar espaço nos escritórios, empresas e nos trabalhos como taxista, cobradora e motorista de transporte coletivo, surgiu uma nova opção de mercado para a mulher: o mercado de construção civil.

Há quem diga que este é um ramo apenas para homens e realmente era há pouco tempo. Agora, as esposas, mães e filhas já podem disputar esse mercado com o sexo oposto. É claro que ainda há resistência das empresas na hora da contratação, mas isto é uma coisa que já está mudando e diversas mulheres estão se capacitando para ingressar neste novo mercado.

Em Campo Grande, por exemplo, foram criados cursos de especialização que já formaram diversas mulheres para atuar no ramo da construção civil. O projeto Colher na Massa é um deles. O Senai de Campo Grande em parceria com o governo do estado e o Sinduscon/MS (Sindicato Intermunicipal das Indústrias da Construção Civil de Mato Grosso), iniciou o projeto com objetivo de garantir a independência financeira e a qualificação profissional das participantes.

Mais de 30 mulheres já foram capacitadas nos cursos gratuitos de eletricista, instalador predial, encanador, pintor, carpinteiro de obras e pedreiro, o que representa aproximadamente 8% dos concluintes.

A Secretaria Especial de Políticas para Mulheres, do Governo Federal, em pareceria com a Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedesc), adotou uma prática parecida em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista.

O curso também é gratuito e fornece vale transporte e lanche para as alunas. É realizado semanalmente no EMIP (Escola Municipal de Iniciação Profissional) da cidade ou na Associação Padre Léo Comissari.

Nas aulas, as participantes aprendem a assentar blocos, tijolos, chapisco, reboco, preparação de paredes para pintura, além de acabamento de pisos, azulejos e aplicação de textura. Tudo para se tornar uma verdadeira profissional qualificada.

Apesar de o mercado da Construção Civil ainda ser bastante restrito para o sexo feminino, as mulheres ganham uma enorme vantagem, pois são caprichosas, pacientes e dedicadas, requisitos essenciais para uma obra bem feita.

Agora é só questão de tempo. Assim como aconteceu em outros setores e profissões, as mulheres mostrarão sua competência e chegarão ao sucesso profissional.

Acompanhe uma matéria feita pela Rede Record do Mato Grosso do Sul:


Click e compartilhe

Deixe seu recado